O lúdico como recurso colaborativo no processo de alfabetização e letramento nos anos iniciais

Andreza dos Santos Silva Britto, Barbara Franciele Coelho, Eduarda Cristina Peirão, Eliza Beatriz Schmitz, Fabiani Cristini Cervi Colombi, Larissa Pöpper Cassaniga, Liliane Bia Celva, Jaqueline Aparecida Pereira, Jéssica Monique Buss, Patricia Aparecida Rosa Xavier

Resumo


Considerando a importância do processo ensino e aprendizagem dos educandos associado ao lúdico, para que estes possam atribuir significados aos conceitos e conteúdos abordados, o presente artigo aborda o tema que foi desenvolvido durante o ano de 2016 pelas bolsistas acadêmicas do Projeto Institucional de Iniciação à Docência (PIBID) na Escola de Educação Básica Alberto Pretti durante o período matutino, tendo como foco os Anos Iniciais do Ensino Fundamental, sendo realizado nas turmas do 2º e 3º ano com alguns alunos que apresentavam dificuldade de aprendizagem. Este trabalho objetivou incentivar o aprimoramento da alfabetização e letramento, envolvendo atividades escritas, dinâmicas e brincadeiras por meio de diversos materiais, ampliando os conceitos a partir de atividades práticas e lúdicas.
Trata-se de uma pesquisa qualitativa, do tipo descritiva, com método bibliográfico e estudo de campo. Sendo assim, procuramos adaptar o conteúdo ao jogo, a fim de proporcionar um ensino diferenciado, ressaltando que o jogo deve ser idealizado, explorado e condicionado para um determinado objetivo. Ao longo do nosso percurso, compreendemos
alguns aspectos necessários no exercício da docência, dentre eles, possuir
o domínio do conteúdo, ampliar os conceitos e buscar subsídios teóricos por meio de pesquisas. Além disso, constatamos que os professores
devem ser os idealizadores do conhecimento, mediando, interagindo, dando condições que estabeleçam um vínculo entre o que as crianças já conhecem com os novos conteúdos apresentados. Por fim, acreditamos
ter alcançado os nossos objetivos na medida em que desenvolvemos
 e qualificamos os nossos saberes.

Palavras-chave


Anos Iniciais. Lúdico. Ensino Fundamental. Alfabetização. Letramento.

Texto completo:

PDF

Referências


A Importância Da Afetividade Na Aprendizagem Escolar: O Afeto Na Relação Professor aluno. Disponível em: https://psicologado.com/atuação/psicologia-escolar/a-importancia-da-afetividade-na-aprendizagem-escolar-o-afeto-na-relacao-aluno-professor Acessado em: 29/09/2016.

BAMBEGER, Richard. Como Incentivar O Hábito Da Leitura. São Paulo: Ática, 1995.

Brasil. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Língua Portuguesa. Brasília, 1995.

BRASLASVKY, Berta. Escola E Alfabetização: Uma Perspectiva Didática. São Paulo: UNESP, 1988.

CHAPELA, Luz María. O Correio: História De Umas Cartas. Petrópolis, RJ: Autores & Agentes & Associados, 1988.

CHIARELLI, Lígia Karina Meneghetti; BARRETO, Sidirley de Jesus. A Importância Da Musicalização Na Educação Infantil E No Ensino Fundamental: A Música Como Meio De Desenvolver A Integração Do Ser. Recreart, Santiago de Compostela, jun. 2005.

CURY, Augusto Jorge. Pais Brilhantes, Professores Fascinantes. Rio de Janeiro:Sextante, 2003.

DEBUS, Eliane. Festaria De Brincança. São Paulo: Paulus, 2006.

IZUMI, Carolina Miyuki; JUNIOR, Joaquim Martins. A Relevância Do Folclore Nas Escolas Municipais: Um Estudo Sobre A Dança Folclórica. Iniciação Científica CESUMAR: 2006, v. 08, n.02.

Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa. A criança no ciclo de alfabetização. Caderno 05/Ministério da Educação, Secretaria de Educação

Básica, Diretoria de Apoio à Gestão Educacional. – Brasília: MEC, SEB, 2015.

RIBAS, Marciele Stiegler; SOARES, Solange Toldo Formação De Professores Para Atuar Na Educação De Jovens E Adultos: Uma Reflexão Para O Desenvolvimento E Aperfeiçoamento Da Prática Docente. IX ANPED Sul: Seminário de Pesquisa em Educação da Região Sul: 2012.

SANTOS, Os Gêneros Textuais Na Sala De Aula. Disponível em: < http://www.fals.com.br/ revela17/artigo4_revelaXI.pdf >. Acessado em: 26/06/2016.

TEIXEIRA, Sirlândia Reis de Oliveira. Jogos, Brinquedos, Brincadeiras e Brinquedoteca: Implicações No Processo De Aprendizagem E Desenvolvimento. Rio de Janeiro: Wak, 2010.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.